Cultura

Profissionais de artes cênicas de cinco países do território ibero-americano criam rede de intercâmbio em meio à pandemia

Profissionais e instituições culturais envolvidas na gestão, produção e criação de artes cênicas de cinco países decidiram unir forças e apresentam a Rede Escena Iberoamericana (REI). Instituições, grupos de teatro e festivais da Argentina, Colômbia, Brasil, Portugal e Espanha participam da REI com o intuito de promover a prática colaborativa do intercâmbio de recursos artísticos, técnicos e gerenciais para fortalecer todas as estruturas que participam do programa.

O Brasil está representado pelo Centro Internacional Avatar e pela Cia de Teatro Avatar, comandadas pelo dramaturgo e diretor teatral Paulo Atto, responsável também pelo Festival de Teatro da Caatinga, vencedor do recente Edital Setorial de Teatro da Funceb, da Secretaria de Cultura da Bahia. “A crise do coronavírus impõe desafios a todos os segmentos. Na produção artística não é diferente. Nosso setor será um dos últimos a saírem desse momento difícil, justamente porque aglomeração de pessoas, interação e grandes públicos fazem a arte acontecer. Nosso objetivo com a REI é unir forças e buscar a reinvenção contínua”, avalia Paulo Atto.

Após reuniões onlines, que acontecem semanalmente, seus membros decidiram divulgar a iniciativa com o objetivo de adicionar apoio e começar a gerar processos de participação que sirvam para tornar essa rede de apoio efetiva, que possibilite o desenvolvimento de novos públicos, criadores e ações de fomento às artes cênicas.

A REI possui como singularidade da sua proposta o fato de ser composta por pessoas e grupos que dirigem e gerenciam teatros, escolas, companhias, instituições culturais e festivais em cinco países da Europa e América. Ao todo, quase cem pessoas trabalham nas equipes regularmente e seus programas afetam milhares de espectadores e estudantes a cada ano, além de centenas de artistas e técnicos que trabalham em suas ações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar